Público maciço


Um fato que merece destaque no terceiro Seminário Agricultura de Baixo Carbono (ABC),em Salvador (BA), é a presença maciça de produtores e representantes de sindicatos rurais da Bahia e técnicos de Federações de Agricultura e Pecuária do Nordeste, além de engenheiros agrônomos interessados em saber mais sobre o Programa ABC. Logo cedo, eles já lotavam o auditório da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (FAEB) e aguardam com grande expectativa as palestras que serão feitas durante todo o dia para adquirir mais conhecimento sobre o tema.

O presidente da FAEB, João Martins, fez a abertura do seminário, ressaltando a importância do Programa ABC para o setor agropecuário e a realização do seminário para discutir o tema. “Será uma excelente oportunidade para que o produtor rural possa ter a orientação necessária para uma atividade sustentável”, afirmou.

Veja o depoimento de alguns participantes do seminário:

“O seminário é uma grande oportunidade para difundir o Programa ABC no sentido de orientar os produtores rurais para ter esse conhecimento e quebrar paradigmas no setor agropecuário. A partir do compromisso do governo brasileiro de reduzir a emissão de Gases de Efeito Estufa (GEEs), devemos fazer a nossa parte para termos uma atividade cada vez mais sustentável e evitar danos ao meio ambiente no futuro”.

João Martins da Silva Júnior, presidente da FAEB e vice-presidente da CNA

“O Programa ABC será muito importante para nossa região, que possui uma grande área disponível para a plantação de florestas e precisamos adquirir mais conhecimento para praticar a agropecuária sustentável”.

Alcides Moreira, diretor executivo do Sindicato rural de Barreiras (BA)

“Há muito tempo quero trabalhar com reflorestamento e o seminário será um passo importante para ter uma noção mais clara do Programa ABC”.

Cícero Moreira, produtor rural de Feira de Santana (BA)

“Teremos uma oportunidade real de aplicar na propriedade tudo aquilo que queremos em termos de floresta plantada com o Programa ABC”.

Erico Azevedo, engenheiro agrônomo


Deixe seu comentário sobre este assunto:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s