Entendendo ABC

O pesquisador da EMBRAPA Trigo, José Pereira da Silva Júnior, explica os principais conceitos relacionados ao debate da agricultura de baixo carbono, tema de quatro seminários organizados pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em parceria com a Embaixada Britânica. Após participar do seminário realizado na sede da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (FARSUL), o pesquisador falou para a equipe do blog.

O que é mitigação?

Mitigação é o processo de redução das emissões de Gases de Efeito Estufa (GEEs) pelo aumento das emissões líquidas, que é a diferença entre fixação e emissão. O mais importante é ter fixação líquida, que é o sequestro de carbono.  No caso do setor agropecuário, são três os gases: gás carbônico, gás metano e óxido nitroso. Todas as atividades são emissoras de gases, mas algumas, como a agropecuária, são fixadoras de carbono, o que é positivo em função da transformação em grãos, por exemplo.

No debate de hoje também ouvimos falar muito de adaptação. O que isso significa?

As mudanças climáticas têm vários efeitos que interferem diretamente no desenvolvimento da atividade agropecuária. Adaptação é o processo pelo qual as plantas vão ter que passar para continuarem produtivas. As sementes terão que ser adaptadas para um novo cenário no qual é difícil prever o clima. Antigamente o clima era bastante previsível. Hoje isso mudou e é muito difícil dizer o que vai acontecer em termos climáticos. Além da transgenia, outro caminho é buscar as características originais de cada planta. No caso do trigo, por exemplo, que tem sua origem no Irã, Síria e Iraque, de regiões em semi-árido, é preciso resgatar as características produtivas para que a produção continue.

Plano ABC

O pesquisador da EMPBRA lembrou ainda que o Plano de Agricultura de Baixo Carbono (ABC) estabelece uma série de metas que devem ser cumpridas até 2020.  A recuperação de 15 milhões de hectares de pastagens e a implementação de integração lavoura-pecuária-floresta em 4 milhões de hectares, além do plantio direto em 8 milhões de hectares e a fixação biológica de nitrogênio em 5,5 milhões de hectares estão entre as metas. Foi para essas metas, que o Governo federal lançou, em 2010, o Programa ABC, que prevê financiamentos a juro baixo e prazos de carência e de pagamento diferenciados.

 

 

Deixe seu comentário sobre este assunto:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s