Integração Lavoura-Pecuária-Floresta pode ser alternativa para o Vale do Jequitinhonha/MG

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) e a Emater-MG realizarão amanhã, 11 de setembro, Seminário sobre Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para o Vale do Jequitinhonha, na Fazenda Experimental de Acauã (FEAC) em Leme do Prado (490 Km de Belo Horizonte).

O evento reunirá pequenos e médios produtores rurais do Jequitinhonha para apresentação de palestras com os temas: Cenário atual da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), Planejamento do Sistema de ILPF, Arranjos de Eucalipto no Sistema, Experiência de Implantação do Sistema ILPF em Propriedades Familiares.

O pesquisador da EPAMIG Carlos Juliano Albuquerque irá palestrar sobre a utilização da cultura do sorgo na ILPF. Serão apresentados trabalhos de consórcio do sorgo com forrageiras, com recursos do Banco do Nordeste (BNB) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), implantados pela EPAMIG em Nova Porteirinha, Jaíba, Leme do Prado e Uberlândia.

De acordo com a pesquisadora da EPAMIG Maria Celuta Viana a exploração de várias atividades em uma mesma área, conforme preconizado no sistema de ILPF, exige conhecimento, máquinas e infraestrutura apropriadas e, principalmente, planejamento.

Os participantes terão a oportunidade de conhecer experiências de sucesso de produtores da região Centro-Oeste de Minas que implantaram este sistema em suas propriedades. No município de Maravilhas, a EPAMIG, em parceria com a Emater-MG e Embrapa Milho e Sorgo, implantou Unidades Demonstrativas (UDs) através do projeto “ Sustentabilidade de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta na pequena propriedade na região metalúrgica de Minas Gerais”, financiado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário.

De acordo com o gerente da FEAC, Thiago Ferreira, a região de Leme do Prado é uma das grandes produtoras de eucalipto em Minas Gerais. “Plantio consorciado já é uma técnica adotada pelo produtor familiar da região. O Sistema ILPF poderá trazer vantagens tanto para o pecuarista quanto para o agricultor, pelas características do sistema de uso da terra”, afirma.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas antecipadamente por telefone: EPAMIG (33) 3764-5024 ou Emater-MG (33) 3516-2028

Fonte: Assessoria de Imprensa

Deixe seu comentário sobre este assunto:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s