Reflorestar para sustentar

O Sindicato dos Criadores de Bovinos, Bubalinos e Equídeos do Distrito Federal realiza no próximo sábado, 24 de novembro, o 2º Dia de Campo. Desta vez, o enfoque será o reflorestamento para a sustentabilidade da pecuária de corte. A técnica de integração lavoura, pecuária e floresta é um dos temas da programação. Essa técnica está em ampla divulgação pelo Programa de Agricultura de Baixo Carbono e tem o apoio do Projeto ABC – Capacitação do Sistema CNA/SENAR, em parceria com a Embaixada Britânica.

Confira a programação:

As inscrições para participar do 2º Dia de Campo são gratuitas e podem ser feitas pelo site http://www.scdf.com.br/index.jsp

Saiba mais sobre o 1º Dia de Campo do SCDF: http://www.scdf.com.br/SCDF?cmd=getAcontecimento&codigo=21

Mudas de árvores nativas do Cerrado

Sindicato dos Criadores de Bovinos, Bubalinos e Equídeos do Distrito Federal distribuiu 4 mil mudas para desenvolvimento da pecuária cada vez mais sustentável

O Sindicato dos Criadores de Bovinos, Bubalinos e Equídeos do Distrito Federal (SCDF) distribuiu 4 mil mudas de árvores nativas do cerrado aos seus Associados. A distribuição aconteceu na Sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Distrito Federal – FAPE-DF. “Ações desta natureza mostram a preocupação da Diretoria do Sindicato e dos produtores filiados à nossa Entidade com a sustentabilidade e atendimento às questões legais de suas propriedades”, comentou o Presidente do SCDF, Geraldo Borges.

Pastos integrados com florestas

Está cada vez mais frequente a utilização da técnica de Integração-Lavoura-Pecuária-Floresta, onde a árvore ajuda a aumentar a qualidade e a produtividade na pecuária de corte. O gado que é criado cercado por árvores conta com mais sombra, pastos mais fartos e o produtor rural ainda reduz a emissão de gases do efeito estufa na atmosfera.

O Programa ABC oferece linhas de crédito para produtores interessados em adotar práticas agrícolas sustentáveis, como a Integração-Lavoura-Pecuária-Floresta e implantação e manutenção de florestas comerciais.